Tudo é relativo?

A versão relativística do relativismo. Temas como verdade, política, religião e felicidade são vistos como assuntos que não devem ser debatidos, pois são completamente dependentes do ponto de vista, portanto relativos. Sendo assim, a distinção entre o que é certo e errado passou a ser tão subjetiva que o único conselho aceitável é “Se te…

Continue lendo